Velho Bolero

(Canção de Dalto e Cláudio Rabello)

Nunca nós dois conversamos de amor,
Mas é hora
Sempre fingimos se fomos, nós dois só por fora

Amigos não somos se a noite só falo o seu nome, só penso em você
Amigos não podem ter medos de em sonhos se ver
E o que posso fazer pra dizer que lhe quero
Se tantas vezes tentei, mas não fui tão sincera
Quem sabe se esse bolero, um jeito tão velho de falar de amor
Me deixa gostar de você, amor
(Bis)