Olheiras

(Canção de Adelino Moreira)

Quando vivias comigo
Não tinhas duas olheiras
Que agora tem, meu amor
Tinhas o rosco moreno
Mas parece que o sereno
Também lhe mudou a cor
Olheiras são cicatrizes
Que os olhos dos infelizes
Não disfarçam muito bem
E eu nas noites que perdi
De esperar tanto por ti
Ganhei olheiras também

Mas agora que regressas
Eu vou pagar as promessas
Que fiz pra te ver voltar
Vou repor os meus espelhos
Vou caminhar de joelhos
Sorrir em vez de chorar
(bis)