Marina

(Samba-Canção de Dorival Caymmi)

Marina, morena Marina
Você se pintou
Marina você faça tudo, mas faça um favor
Não pinte esse rosto que eu gosto e que é só meu

Marina você já é bonita com o que Deus lhe deu
Me aborreci me zanguei, já não posso falar
E quando eu me zango Marina não sei perdoar

Eu já desculpei tanta coisa
Você não arranjava outro igual
Desculpe Marina, morena, mas eu estou de mal