Graças
"Gracias"

(Bolero de G. Midiguilar, Don Robert e Rodolfo G. Velarde)

Graças
Muitas muitas graças
Foram as ternuras
Todas as doçuras
Do nosso querer

Graças
Eu te agradeço
E nunca me esqueço
Do sabor dos beijos
Que entregaste a mim

Graças
Por não ter vivido
Entre sofrimentos
Entre amarguras
Nosso grande amor

Graças
Foram muitas graças
Eu ter sido amada
E não ter mais nada
Que pedir a ti