Gosto do Passado

(Canção de Mariozinho Rocha, Renato Corrêa e Cláudio Cavalcanti)

Eu hoje lembrei do gosto do passado
Na boca senti de novo, o gosto de você
O doce do teu perfume, apaixonado
O sal do pranto que vinha, sem dizer porque

O teu rosto no meu rosto, a tua mão na minha mão
Adeus no luar de agosto, sem nenhuma explicação
Desgosto molhando o rosto
O olhar de quem não crê
O mundo deserto e frio, eu sem saber porque
Só sei que eu gostava tanto de você

E agora lembrando
Tentando entender ainda, o que foi que eu fiz
Recordo chorando, que um dia eu já gostei de ser feliz
(Bis)