Birilum

(Cha-Cha-Cha de Adelino Moreira)

Você tem pranto nos olhos
Birilum
E diz que eu estou chorando
Birilum
E diz que eu estou sofrendo
Birilum
E diz que eu estou penando
Birilum
Por nada brigou comigo,
Birilum.
Bateu a porta, Birilum.
Já não me quer
Defeito, eu terei algum,
Birilum
Erro, não terei nenhum
Se Deus quiser.